2012-04-06

Ainda..

Ainda há um pouco de seu gosto em minha boca;
Ainda há um pouco de você amarrado a minha dúvida,
e ainda é um pouco difícil de dizer o que está acontecendo. 

Ainda há um pouco de seu fantasma, sua testemunha;
Ainda há um pouco de seu rosto que eu não beijei, você se aproxima um pouco a cada dia, mesmo longe, mesmo não querendo, e eu não consigo dizer o que está acontecendo. 

Ainda há um pouco de sua canção em meu ouvido;
Ainda há um pouco de suas palavras que eu desejo ouvir, você se aproxima um pouco de mim, tão perto, que eu não consigo ver o que está acontecendo. 

Pedras me ensinaram a voar. 
O amor me ensinou a chorar. 

 

3 comentários:

Mr. Rïver disse...

Olá!!

Parabéns pelo seu blog, bem como pelas postagens ;)

S.Rïver
http://saimonrio.blogspot.com
http://www.facebook.com/saimonrio

As Aventuras de Billy disse...

Sentir de amor/amar é a pior q existe...só o tempo p curar!!
E as vzes ele demora tanto!!
;)
Gosteeei do texto... palavras certas!
Abçs!

♪ Gisella ♪ disse...

"E como dói... essa angustia que só se extingue com o tempo..."

Ha Juh o que eu posso falar sobre hein???
Meuuu essa postagem veio carregada de tanto sentimento que você conseguiu passar pelo texto a intenção. SÉRIO MUITO BOM!

e estou muito faliz pke o pescando ainda está de pé!!! ^^ haaaaa que legal!!! *---*

Até o próximo poust.
Bjkas

Postar um comentário

Vc já pescou sua estrela hoje (?)